terça-feira, 28 de setembro de 2010

Psi Poético 2010

Confira os homenageados da 24º edição do Psiu Poético

A cada edição, o Psiu Poético rende homenagem a poetas que se destacam no cenário nacional. Neste ano, o Salão vai além da poesia e também homenageia importantes nomes ligados ao cinema, cuja obra revela a cultura brasileira com uma surpreendente contemporaneidade poética. Confira os nomes:

Carlos Alberto Prates Correia

O cineasta cresceu em Montes Claros e, depois, se mudou para Belo Horizonte, onde começou a trabalhar como crítico de cinema no jornal Diário de Minas. O diretor iniciou sua carreira cinematográfica em 1965, como responsável pela continuidade no longa-metragem “O Padre e a Moça”, de Joaquim Pedro de Andrade. Logo após as filmagens, Carlos Alberto fundaria, com outros amigos aficionados por cinema, o CEMICE - Centro Mineiro de Cinema Experimental. Em 1970 realizou seu primeiro longa, “Crioulo Doido”, filmado na cidade histórica de Sabará. Depois desse filme, Carlos Alberto, além de trabalhar como produtor em vários filmes se tornou um dos mais importantes e premiados diretores do cinema brasileiro. Ele acabou de restaurar e reeditar seus filmes deverá lançar, em breve, uma caixa de DVDs com o resultado deste trabalho.

Rogério Salgado nasceu em Campos dos Goytacazes(RJ), mas, em 1980, mudou-se para Belo Horizonte/MG. Em 1983 criou, com Ecivaldo John e Virgínia Reis, a revista “Arte Quintal”, um dos mais importantes veículos culturais da época. Em 1993 criou o projeto “In/Sacando a Poesia”, que consistia em colocar poemas dentro de saquinhos de embalar pães nas padarias, recebendo, pelo projeto, o prêmio Capital Nacional-Categoria Poesia, em Aracaju/SE, em 1998. Em 2000 foi editor e orientador de pesquisa do livro “Uai Poético - pesquisando as raízes e veias poéticas”, de Virgilene Araújo, uma reunião de poetas atuantes na capital mineira. Neste mesmo ano, criou, com Wal Souza e outros poetas, o “Sarau da Lagoa do Nado”, dando inicio a efervescência poética que iria crescer nos próximos anos na capital mineira. É idealizador e realizador, junto com Virgilene Araújo, do “Belô Poético”, encontro nacional de poesia de Belo Horizonte, e “Poesia na Praça Sete”, já em sua 3ª edição.

Mano Melo

No cinema, participou de dezenas de filmes, curtas e longas metragens. Na televisão, teve participações em várias minisséries e telenovelas da Rede Globo. No teatro, interpretou várias peças em dezenas de espaços e eventos por todo o país. Como poeta, além de seu trabalho individual, fez parte do grupo de poesia “Ver o Verso”, junto com Pedro Bial, Alexandra Maia e Claufe Rodrigues, e do projeto “Poesia faz escola”, uma série de dez recitais em diversas cidades do estado do Rio de Janeiro, para alunos de segundo grau das escolas públicas estaduais.

Osmir Camilo é fundador da ONG Lesma, formado em Designer, escritor, declamador e ator. Criador e coordenador do evento “Abril Poético”, que promove uma séria de intervenções envolvendo eventos literários, culturais e esportivos em mais de 10 cidades, nas regiões do Alto Paraopeba e Alto Piranga, alternando ano a ano.




Luiz Roberto Zanotti faz parte dos projetos “Poéticas da ruptura: linguagens dramáticas e cênicas do contemporâneo (Uniandrade)”, “Intermídia: estudos sobre a Intermidialidade (UFMG)”, "Cesh - Centro de Estudos shakespereanos”, “Dramaturgia, tradição e contemporaneidade da Abrace”, e projeto “Novos Autores”, do Núcleo de dramaturgia do Sesi. Na área artística atua como diretor teatral, dramaturgo, compositor e escritor.

Vera Lúcia Veríssimo de Souza, professora montesclarense, participa do Psiu Poético desde 1993 e, em 2007, lançou o livro “Cachoeiras de Emoções”.

Um comentário:

  1. Roseiras

    o certo de tudo
    é que ainda te aguardo
    entre as roseiras da esquina
    e a margem esquerda da poesia.
    passeios a camas
    sem aquelas flores vermelhas
    como pintei
    na tela da sua chegada.
    nas minhas poucas certezas
    eu te aguardo.

    ResponderExcluir

É uma prazer receber sua visita. Obrigada pelo comentário.