sexta-feira, 1 de abril de 2011

Em abril temporada francesa no Cinema Comentado

Em abril, o CineSesc e o Cinema Comentado Cineclube apresentam um panorama estético e narrativa do cinema francês revelando as características de produções recentes e inovadoras. No sábado, dia 02/04, começa a temporada cinematográfica com a exibição de A CULPA É DO FIDEL (2006), primeiro filme de ficção dirigido por Julie Gavras (filha do cineasta grego Costa-Gavras). Aos nove anos, Anna de la Mesa é uma perfeita lady: seu pequeno universo é formado pelo colégio católico, pela escola de natação e pela linda casa ajardinada. Mas toda essa harmonia é quebrada com a chegada da tia e da prima, que fugiram da Espanha após o assassinato do tio, um militante contra a ditadura de Franco. A morte do cunhado e a efervescência política da época (o filme se passa entre 1970 e 1973) levam o pai da garota a rever seus princípios.

Ele deixa o emprego, troca a casa por um pequeno apartamento e passa a atuar como intermediário do movimento para eleger Allende presidente do Chile. A mãe deixa seu posto como jornalista da revista “burguesa” Marie-Claire para escrever um livro-reportagem em prol do direito feminino à contracepção. A babá cubana, anticomunista até o último fio de cabelo, é substituída por uma série de exiladas políticas, que buscam abrigo na França. Dividida entre a realidade conservadora da escola e a complexidade das mudanças familiares, Anna se rebela. O tempo todo a pequena desafia as convicções dos militantes e, com a convivência, amplia sua visão de mundo.

A CULPA É DO FIDEL é um filme bem-humorado, com tiradas inteligentes e engraçadíssimas. Esplendidamente fotografado, escrito e dirigido, o longa francês tem ótimos diálogos, cenas densas, impactantes e divertidas, e um elenco de primeira. Longe de ser um panfleto a favor ou contra o comunismo, A CULPA É DO FIDEL nada mais é do que uma brilhante história sobre Anna aprendendo a crescer e descobrindo que o mundo não é só preto ou branco. Longe de fazer um “projeto político”, ou uma obra de propaganda, Julie Gavras realizou um trabalho emocionante, que toca de forma profunda seu objeto de estudo e destinação: o ser humano. Classificação etária: 14 anos.

O Cinema Comentado Cineclube e o CineSesc acontecem todo sábado, a partir das 19h, no Salão de Convenções do Sesc-Pousada Montes Claros – Rua Viúva Francisco Ribeiro 199 (Ginásio do Sesc). As sessões são gratuitas, abertas a todos os interessados, e depois acontece um bate-papo com a platéia sobre o filme apresentado.

PRÓXIMAS ATRAÇÕES
09/04 - "Tudo Perdoado" (2007), dir: Mia Hansen-Løve.
16/04 - "Povoado Number One" (2006), dir: Rabah Ameur-Zaimèche.
23/04 - "Entre os Muros da Escola" (2008), dir: Laurent Cantet.
30/04 - "A Guerra do Fogo" (1981), dir: Jean-Jacques Annaud.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É uma prazer receber sua visita. Obrigada pelo comentário.