quinta-feira, 17 de outubro de 2013

LANÇAMENTO



Silêncio em Movimento

Cantor, compositor e multi-instrumentista Caio Castelo lança novo disco



Disco de estreia do cantor, compositor e multi-instrumentista Caio Castelo, apresenta um novo e promissor artista para a música brasileira. O show do disco vem circulando desde abril pelo país e no dia 24 de outubro, o cantor se apresenta na Concha Acústica em Fortaleza/Ce, onde será gravado um videoclipe. No dia 9 de novembro, o show será em Icó/Ce, e dias 4 e 26 de novembro novamente em Fortaleza

Dando vida a composições arejadas e explorando sonoridades a partir de referenciais estéticos da geração mais recente da música nacional, Caio toca dos violões à guitarra, do metalofone à bateria, além de contar com a companhia de jovens e talentosos músicos.

Disponível para download gratuito no site oficial do artista, Silêncio em Movimento conduz o ouvinte por entre canções plenas de melodia, ritmos e poesia. Mas também instigantes, por diferentes motivos, sugerindo novas e atentas audições. Referências amplificadas pelas opções de instrumentos e timbres dão personalidade e atrativos próprios ao trabalho, que propõe outros caminhos ao eterno desafio em que se equilibra a canção, sem medo dos riscos e sempre entre o recente e o atemporal.

Caio tem conquistado público e crítica significativos com este trabalho, com cada vez mais projeção nacional e shows bem construídos entre composições e arranjos.

Conheça mais sobre o Caio Castelo
www.caiocastelo.com
www.facebook.com/caiocastelooficial
www.soundcloud.com/caiocastelo

CONTATO
(85) 9611-1014
caiocastelooficial@gmail.com

TEATRO



Vivenças

Vida de trabalhadores rurais é tema de espetáculo teatral

A vida de trabalhadores rurais contada por eles mesmos é o enredo da peça “Vivenças”, espetáculo teatral que será apresentado nesta sexta-feira (18/10), no Centro Cultural Hermes de Paula, em Montes Claros/MG, a partir das 20 horas. A montagem é dos acadêmicos do curso de Artes/Teatro da Universidade Estadual de Montes Claros, com a participação de músicos convidados. O ingresso custa R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada).
                                  
A professora Nelcira Durães assina o texto e dirige o espetáculo. Ela explica que “a peça foi construída com base em narrativas orais colhidas na comunidade rural de Morro Alto (distrito de Bocaiúva, no Norte de Minas)”. O material faz parte da dissertação de mestrado da diretora.

O elenco traz quatro acadêmicos do curso de Artes/Teatro: Adriane Marise, Ana Paula Silva, Kiko Ferreira e Lázaro Martins. A trilha sonora é do professor Jukita Queiroz e do músico Edson Lima. A professora Mirian Valderez é a responsável pela iluminação. O espetáculo será apresentado também nos dias 25 e 26 de outubro, nos mesmos local e horário.

___________________________________________________________


SERVIÇO

Vivenças
Data: Sexta-feira (18/10)
Local: Centro Cultural Hermes de Paula – Montes Claros, MG
Horário: 20 horas
Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada).

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Vale Cultura


Audiência pública discute Vale-Cultura em Montes Claros 
 
O benefício é destinado aos trabalhadores que ganham até cinco salários mínimo e garantindo o acesso e participação nas diversas atividades culturais
 

Nesta quinta-feira, 17 de outubro, a Comissão de Cultura da Assembleia Legislativa de Minas Gerais estará em Montes Claros para discutir a implementação da Lei Federal nº 12.761, de 27 de dezembro de 2012, que institui o programa de cultura do trabalhador e cria o Vale-Cultura.

A Audiência Pública atende a requerimento do deputado Elismar Prado e será realizada às 10 horas no Centro Cultural Hermes de Paula (Praça Dr. Chaves - 32 - Centro - Montes Claros).  A comissão tem como membros efetivos os deputados Elismar Prado/PT (presidente), Luzia Ferreira/PPS (vice-presidente), Carlos Mosconi/PSDB, Luiz Henrique/PSDB e Tiago Ulisses/PV.

O programa Vale Cultura é um benefício destinado aos trabalhadores que ganham até cinco salários mínimos. O objetivo é garantir o acesso e participação nas diversas atividades culturais desenvolvidas no país.

Qualquer pessoa jurídica que empregue trabalhadores com carteira assinada pode se cadastrar no programa. Em contra partida, será concedido incentivo às empresas de lucro real que aderirem e será possível deduzir até 1% do imposto de renda para abater as despesas com o benefício. As empresas que utilizam o regime de lucro presumido ou Simples também poderão aderir ao Vale-Cultura, com a vantagem de que o valor do benefício não será tributado com encargos sociais, nem terá natureza salarial.

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

TEATRO


Brincando com o Fibra
Grupo de Teatro Fibra promove programação especial na semana da criança, com brincadeiras, cantigas, contação de histórias e estreia de espetáculo




Fim de semana de teatro e muitas brincadeiras. De sexta-feira a domingo, o grupo Teatro Fibra, apresenta uma programação especial para crianças a partir dos três anos de idade, intitulada de Arte é o Presente! A programação será realizada de 15h às 17h, no Ateliê/Galeria Felicidade Patrocínio na Rua São José, 293-A, bairro Santo Expedito.

Arte é o Presente inclui cinema, jogos, cantigas e brincadeiras, contação de histórias e termina com a estreia do espetáculo “Uma História Puxa a Outra", do grupo Teatro Fibra.

Conhecido em todo o Estado por resgatar as músicas regionais, de tradição e conhecimento popular, através do espetáculo “Brincado de Brincar”, o Fibra em sua trajetória de mais de 30 anos tem em seu currículo a maior parte dos espetáculos voltados para o público infanto-juvenil.

GRUPO TEATRO FIBRA
Vencedor de vários prêmios como o Artes Cênicas do Estado de Minas Gerais (Cena Minas) e o Projeto Cena e Atitude patrocinado pela V&M do Brasil, com concepção e direção de Terezinha Lígia, o Grupo Teatro Fibra tem no espetáculo Brincando de Brincar, seu maior sucesso de crítica e público.

São histórias contadas e cantadas em quadros, ora interpretados, ora coreografados, com passos legítimos de danças populares brasileiras. É um espetáculo cênico-musical de domínio público resultante de pesquisa e de conhecimentos transmitidos pelos mais velhos. A pesquisa se estende e alcança o rico potencial do Vale do Jequitinhonha e se encontra em cartaz desde 2001.

_________________________________________
SERVIÇO

Projeto Arte é o Presente! com o grupo de Teatro Fibra
Dias 11, 12 e 13 de outubro - Sexta, sábado e domingo
De 15h às 17h
Ateliê/Galeria Felicidade Patrocínio na Rua São José, 293-A, bairro Santo.
Informações: (38) 3212-1193 / 9117-8868 (Terezinha) / 9196-6692 (Amauri) ou 9150-7549 (Gilberto).

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Festas de Agosto

Encontro de gerações

Confira a programação da 174ª edição das Festas de Agosto e do 35º Festival Folclórico de Montes  que acontecem até domingo, dia 18. As comemorações foram iniciadas terça-feira, dia 13, mais uma vez, promovendo um encontro de gerações, numa manifestação de tradição, religiosidade e cultura.





Nesta sexta-feira, às 19 horas, a programação consta de saída do mastro do Divino Espírito Santo da Rua Miosótis, no bairro Sagrada Família, até a Igreja do Rosário, com levantamento às 21 horas. Também à noite, no tablado da Igreja do Rosário, às 20 horas, apresentação de Noeno da Viola e Maurinho. Em seguida, apresentação de Zé Vicente (50 anos de Comunicação) e do Grupo Saruê. No palco da Matriz, às 21 horas se apresentam “Maia y Boa Vista” e Herberth Lincoln (especial 40 anos do Grupo Raízes), seguidos por show do cantor Pedro Boi e banda.

No sábado, dia 17, a programação começa às 9 horas da manhã, com cortejo do Império do Divino Espírito Santo, saindo da Praça Doutor João Alves, em frente ao Automóvel Clube, até a Igreja do Rosário, na Praça Portugal, e com participação da Banda de Música do 10º Batalhão de Polícia Militar. À noite, às 20 horas, no tablado da Igreja do Rosário, haverá encontro de capoeira, sendo que às 21 horas se apresenta o grupo Cordão de Ouro e, às 22 horas, exibição do grupo Fitas. Simultaneamente, no palco montado na Praça da Matriz, às 20 horas, se apresenta a dupla composta por Ciro Araújo e Iracema Reis. Às 21 horas, haverá apresentação do cantor Jorge Takahashi e, às 22 horas, Saldanha Rolin.


Domingo, dia 18, a programação recomeça às 10 horas, com Encontro Mineiro de Ternos de Congado, na Rua Humaitá, 126, Bairro Morrinhos. A promoção é da Associação dos Grupos de Catopês, Marujos e Caboclinhos. Na parte da tarde, às 15 horas, procissão de encerramento, com participação da Banda de Música da Polícia Militar. A saída será em frente ao Centro Cultural Hermes de Paula, na Praça da Matriz, seguindo pela avenida Filomeno Ribeiro, ruas Doutor Santos, Dom Pedro II, Camilo Prates, Governador Valadares, até a Igreja do Rosário.

À noite, no tablado da Igreja do Rosário, às 19 horas, apresentação da banda de música da Polícia Militar; às 20 horas, Grupo Folclórico Banzé e, em seguida, Zabelê. Na Praça da Matriz, às 21 horas, Deborah Rosa e Cia, seguida por apresentação de Juquita Queiroz e banda.

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Sonora Brasil



 Projeto cultural promove a formação
de ouvintes culturais

Até dezembro de 2013 serão realizadas 450 apresentações em 128 cidades do país
 
O Octeto do Polyphonia Khoros se apresenta em Montes Claros nesta quinta-feira, 11 de julho


O Sonora Brasil - Formação de Ouvintes Musicais - inicia as apresentações pelo interior do estado e, entre 6 e 15 de julho, o grupo Octeto do Polyphonia Khoros se apresenta pelo projeto em Poços de Caldas, Juiz de Fora, Teófilo Otoni, Montes Claros, Uberlândia, Uberaba e Araxá. A entrada para todas as apresentações é gratuita, sujeito à lotação dos espaços.

Até dezembro de 2013 serão realizadas 450 apresentações em 128 cidades do país. Em Montes Claros, a apresentação será nesta quinta-feira, dia 11 de julho, no SESC.

O Sonora Brasil tem se consolidado como o maior projeto de circulação musical do país e o biênio 2013/2014 apresenta dois temas: Tambores e Batuques e Edino Krieger e as Bienais de Música Brasileira Contemporânea.

Raízes do Bolão, Samba de Cacete da Vacaria, Raízes do Samba de Tócos, Alabê Ôni, Quinteto Brasília, Quarteto Belmonte, Octeto do Polyphonia Khoros e Duo Cancionâncias são os grupos que integram as programações que se identificam com o desenvolvimento histórico da música no Brasil.

Em 2013, o primeiro tema - Tambores e Batuques - circula pelos estados das regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste, já o segundo Edino Krieger e as Bienais de Música Brasileira Contemporânea - percorre os estados das regiões Sul e Sudeste. No próximo ano, acontece a troca para que os grupos concluam o circuito nacional.

POLYPHONIA KHOROS
O Polyphonia Khoros é um grupo coral da cidade de Florianópolis (SC) que está em atividade desde 2001. Tendo um repertório eclético, com ênfase na música do século XX e XXI, o grupo, regido pela maestrina Mércia Mafra Ferreira, mantém um trabalho de excelência na área destacando-se no cenário musical do estado de Santa Catarina.

Por meio do Instituto Polyphonia, entidade sem fins lucrativos, o coro, que conta hoje com 28 cantores, promove a prática e a apreciação da música vocal, formando jovens cantores líricos e amplas plateias.

Selecionados a partir do equilíbrio e timbragem de vozes e da experiência camerística com a música contemporânea, o Octeto é formado por uma representação do grupo e é composto por quatro vozes masculinas: Fernando De Carli e Tobias Andreas Weege (tenores), Javier Venegas e Leonardo Barbi (baixos) e quatro vozes femininas: Grasieli Fachini e Natacha De Carli (sopranos), Débora Almeida e Luciana Lira (contraltos).

_________________________________________________

SERVIÇO
Sonora Brasil - Octeto do Polyphonia Khoros
Data: 11/07 – Montes Claros
Local: Sesc Montes Claros
Saiba mais: http://www.sesc.com.br/sonorabrasil/